Categorias
Histórias & Fábulas

A estátua

No meio das colinas vivia certo homem que possuía uma estátua cinzelada por um antigo mestre. Estava à porta, deitada no chão e nem sequer reparava nela.

Aconteceu passar diante da casa um homem da cidade, um homem entendido, que, ao ver a estátua, perguntou ao dono se a queria vender.

O dono respondeu, rindo:
— Valha-me Deus! Quem compraria essa pedra suja e sem graça?

— Dou-te por ela uma moeda de prata, disse o homem da cidade.

O outro ficou espantado, mas satisfeito.

A estátua foi levada para a cidade, às costas de um elefante.

Passadas muitas luas, o homem das colinas visitou a cidade, e, andando pelas ruas, viu grande multidão de gente diante de uma loja, e um homem que gritava:
— Entrem e vejam a mais bela, a mais maravilhosa estátua do mundo! São apenas duas moedas de prata para admirar a mais portentosa obra prima!

E assim, o homem das colinas pagou duas moedas de prata para entrar na loja e ver a estátua que ele próprio tinha vendido por uma só moeda de prata.

Khalil Gibran in “O Profeta”